11 erros fatais que uma platinada não pode cometer

Olá amores de mami, tudo bem com vocês?

Quem deu essas dicas, foi o especialista Evandro Angelo, do salão C.Kamuram para a revista Cosmopolitan. Então anote ai as dicas!

Imagem relacionada

1. Ter pressa na descoloração

Atenção: descolorir o cabelo em 2 sessões de 25 minutos não é a mesma coisa que deixar o descolorante e água oxigenada no cabelo 50 minutos seguidos! O creme descolorante abre as escamas dos fios para retirar a cor, mas ao mesmo tempo os nutrientes vão escapando do seu fio, fazendo com que ele fique ressecado e fragilizado. Se você fizer várias sessões mais curtas, consegue ir retirando a cor aos poucos sem maltratar tanto o fio.

 2. Não dar o banho de pigmentação matizante no final da descoloração

Depois de lavar o descolorante, é necessário aplicar uma espécie de tonalizante cinza ou prata para diminuir a cor amarelada dos fios e deixar um tom mais claro sem precisar apelar para mais uma sessão de descoloração.

 3. Sair do salão no dia da descoloração sem fazer uma hidratação

Acredite, é uma economia besta. No dia da descoloração é quando seu cabelo vai ficar mais traumatizado quimicamente, portanto o que você puder fazer para deixá-lo mais forte e resistente, faça! Mas a questão da hidratação é outra: ela ajuda a repor os nutrientes perdidos durante o processo e a selar as escamas dos fios, além de deixá-lo menos poroso. Vale a pena o investimento!

 4. Continuar usando o mesmo xampu de antes

Depois que você descolore o seu cabelo ele vira praticamente outro e precisa de novos cuidados! O xampu para cabelos mistos dá lugar ao ultrahidratante – acredite você vai precisar de uma força extra – e específicos para cabelos coloridos, que são mais emolientes.

 5. Não usar o xampu com pigmentos azuis ou roxos

A não ser que sua intenção seja realmente ficar com o cabelo amarelo-gema-de-ovo você vai ter que comprar um xampu pigmentado. Isso porque os pigmentos roxos e azuis ajudam a neutralizar os amarelados da poluição e oxidação pelo sol que vão aparecer no cabelo muito claro. “Use-os pelo menos 1 vez por semana para clarear os fios”, indica o cabeleireiro Evandro Ângelo, do C.Kamura em São Paulo.

 Imagem relacionada

6. Achar que o xampu antirresíduos é um monstro a ser evitado

Que ele é um monstro é verdade, mas não deve ser evitado. Principalmente em 2 situações: 1. quando seu cabelo está tão amarelado que nem o xampu roxo resolve; 2. quando você usou xampu pigmentado demais e seu cabelo acabou ficando roxo. Ele é bem agressivo, mas vai retirar todo o excesso de produto ou sujeira que não deveria estar lá, depois é só jogar um xampu hidratante por cima e máscara de recuperação.

 7. Lavar o cabelo todos os dias

Esqueça o velho hábito de quem tem a raiz oleosa e passe a lavar os fios no máximo dia sim, dia não – o cabelo vai precisar da oleosidade natural do couro cabeludo para se recuperar. Se a raiz já estiver crescendo e a sensação do sebo desagradar, lance mão dos xampus secos que, de quebra, garantem um volume suave.

8.  Secar o cabelo sem protetor térmico

Se você ainda não secava os fios toda lavagem, prepare-se! O platinado não seca sozinho ao vento. Portanto você vai precisar de um bom protetor térmico para não expor tanto o fio à ação desgastante do calor. “Se achar necessário, use também um óleo de argan para evitar o fizz e acelerar a secagem”, aconselha Evandro.

 9. Usar modeladores todos os dias

Não é para esquecer o babyliss ou abandonar a chapinha, mas reduza a frequência com que você usa esses modeladores, já que a incidência do calor no fio é muito alta e contribui para deixá-lo ainda mais fraco e ressecado. “O cabelo platinado pega textura mais fácil, então o truque para quem quer fazer ondas é dividir o cabelo ao meio e prender dois coques enquanto se troca e vai para o trabalho. Depois de soltar os fios ganham uma modelagem incrível!”, conta o cabeleireiro.

 10. Não hidratar com muita frequência

Se antes você hidratava 1 vez por mês em casa, pode ir se acostumando com a cara do seu cabeleireiro. Você vai precisar usar máscaras reconstrutoras, hidratantes e repositoras em casa, pelo menos 1 vez por semana, e a cada 15 ou 30 dias ir ao salão fazer um tratamento power.

 11. Não escovar o cabelo ao longo do dia

O platinado embaraça facilmente, ou seja, em poucas horas solto ele já forma um bolo de nós na nuca que só sai com condicionador potente, muita paciência e vários fios quebrados. Leve na bolsa uma escovinha e vá desembaraçando o cabelo algumas vezes por dia. O hábito também ajuda a levar a oleosidade do couro cabeludo para as pontas e você terá um cabelo mais solto e brilhante!

Fonte: Cosmopolitan

Então é isso meus amores, espero muito que vocês tenham gostado.

Até o próximo post, beijinhos.

1 comentário